Vídeo mostra fuga dos bandidos que atiraram em Tenente da PM e mataram mulher dele em tentativa de assalto

Crime foi na noite da quinta-feira e os detalhes foram divulgados em entrevista coletiva nesta sexta-feira(3).

O carro usado na tentativa de assalto a um tenente da Polícia Militar que acabou baleado e à mulher dele que morreu atingida a tiros, já foi identificado e esse é um dos primeiros passos da polícia de Feira de Santana para chegar aos criminosos. O tenente Fábio Emanuel Oliveira dos Santos, lotado na 67° Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), e sua esposa, Ana Carla dos Santos Leite, 28 anos, foram vítimas desse crime na noite de quinta-feira(2), em uma rua movimentada de Feira.

A informação da Polícia Militar é de que foram dois os bandidos envolvidos no crime que está sendo apurado pela Polícia Civil.(Veja o vídeo da fuga dos criminosos)

O casal estava em um veículo Corolla, quando dois homens em um Corsa Classic se aproximaram anunciando um assalto. O casal foi baleado e socorrido para o hospital Emec, porém a esposa do tenente não resistiu.

De acordo com o coronel da Polícia Militar, Luziel Andrade, o local onde o crime aconteceu é uma área onde muitas ocorrências são registradas, e a polícia já vem realizando operações constantemente. Ele afirmou que a PM vai trabalhar para ajudar a Polícia Civil a identificar os homens que praticaram o crime o mais rápido possível e pediu apoio da população.

“As pessoas que tiverem qualquer informação podem fazer denúncias através do 181. A pessoa que fizer qualquer denúncia vai ter o nome preservado. O cálculo que temos é que se tratava de quatro elementos. Um tem uma característica que as pessoas podem observar e nos ajudar, que é o fato dele andar puxando a perna”, informou. O coronel Luziel disse ainda que esteve no hospital e que conversou com o tenente Fábio Emanuel Oliveira dos Santos, que passou por uma cirurgia e passa bem.

“A versão dele é que desceu do carro com a esposa, foi anunciado o assalto e ocorreu toda a situação. Agora vamos aguardar as investigações para chegar a essa conclusão e vamos aguardar os laudos técnicos para saber sobre as armas usadas no crime”, afirmou.

O coordenador da Polícia Civil, delegado Roberto Leal, falou sobre alguns vídeos que estão circulando nas redes sociais, que mostram alguns homens correndo. Segundo ele, essas imagens são importantes para a identificação dos autores do crime. O delegado disse ainda que a polícia tem outras imagens de indivíduos com as mesmas características praticando roubos em Feira de Santana na mesma modalidade e que acredita se tratar do mesmo grupo.

A Polícia Civil já ouviu uma testemunha do crime e o delegado Roberto Leal informou que vai colher mais informações e que a polícia trabalha com a linha de investigação de assalto, mas que não descartará outras linhas, caso surjam novos elementos durante a investigação.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

*