Tiroteio dentro de agência do Santander assusta clientes e funcionários em Salvador

Ladrões entraram no local onde ficam caixas eletrônicos e houve confronto com seguranças

Atualização às 13h21

A ação de dois assaltantes provocou pânico na agência calçada do Banco Santander, no começo da tarde desta terça-feira(10). De acordo com as primeiras informações, alguns caixas eletrônicos estavam sendo abastecidos com dinheiro, quando os assaltantes chegaram e tentaram levar o dinheiro, quando houve reação dos seguranças da agência.

Ainda segundo as informações, dentro da agência havia um policial civil que estava realizando uma transação participar, mas ao notar a ação, também reagiu e começou uma intensa troca de tiros. Clientes e funcionários ficaram apavorados, pois foram vários os disparos.

O #AgoraNaBahia tentou contato com a agência, mas os telefones não atendem. A assessoria de imprensa da central de atendimento do 190 também não tinha nenhuma informação concreta, dizendo que apenas estava recebendo ligações sobre a ocorrência.

Policiais militares estão cercando a agência e em toda a área da Calçada, na Cidade Baixa, em Salvador, tentando prender os assaltantes. Ainda não há informação sobre valores que possam ter sido levados pelos assaltantes e também notícias sobre possíveis feridos.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Médico de Urgência(Samu) foi chada para o local mas não há notícia sobre feridos a tiros. De acordo com paramédicos do Samu, alguns clientes passaram mal. Uma delas machucou o punho e teve que ser levada a um posto médico, de ambulância.

A agência do Santander suspendeu atendimento aos clientes e os funcionários estão reunidos no primeiro andar da agência, por medida de segurança, até que a polícia faça a perícia no local e tome medidas que possam proteger a todos.

Pelo menos 50 pessoas ficaram retidas na agência durante mais de uma hora, enquanto a polícia faria o trabalho de investigação, até a chegada de um delegado da Polícia Civil, para ouvir testemunhas que possam ajudar nas investigações. Inicialmente, só as mulheres e alguns idosos foram liberados, ficando dentro da agência, retidos, cerca de 20 homens. Câmeras de vigilância instaladas no local foram usadas na tentativa de identificar os bandidos.

Em nota, depois das 13h, o Centro Integrado de Comunicações (CICOM) explicou detalhes do que houve na agência bancária. Veja, na íntegra as informações oficiais, preliminares:
O Centro Integrado de Comunicações (CICOM) acionou as viaturas localizadas nas imediações do bairro da Calçada, por volta das 12h, em razão de uma denúncia de roubo a uma agência bancária.
Imediatamente guarnições da Operação Gêmeos e da 16ª e 17ª CIPM chegaram ao local e isolaram a unidade bancária.
Foi constatado que uma parte da quadrilha conseguiu evadir com uma quantia em um malote e mais uma mochila de uma pessoa que estava no banco. As demais pessoas que estavam no interior da agência foram contidas por haver a suspeita de que outros integrantes do bando ainda estavam no estabelecimento, portanto carecendo de uma averiguação mais detalhada.
Não há registros de pessoas feridas nem de disparos de arma de fogo realizados na ação criminosa.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO