Polícia prende assaltante de banco com fuzil, pistolas e carregador de metralhadora

Homem é acusado de ter participado da explosão de bancos no interior da Bahia e de cometer outros crimes

O assaltante de banco Ceumiranda Neres da Silva, mais conhecido pelo apelido de ‘Nego da Celina’ foi preso portando com um fuzil calibre 762, carregadores de metralhadora calibre 762, duas pistolas ponto 40 e munições de diversos calibres.

O criminoso, que possuía mandado de prisão em aberto por roubo a banco estava escondido em uma fazenda, na localidade das Palmeiras, município de Baixa Grande a 252 km de Salvador. Uma operação integrada das polícias Civil e Militar, com apoio da Guarda Civil, foi desencadeada após denúncia de roubos de veículos.

Nego da Celina e comparsas, entre eles um conhecido pelo prenome Danilo e apelido ‘Tita’, explodiram bancos, nas cidades de Várzea Nova e Mairi, no ano passado. O criminoso agia roubando instituições financeiras desde 2011 e era um dos alvos prioritários da região. Outra parte da quadrilha foi presa, no ano passado, pela polícia de Alagoas também por roubos a banco naquele estado.

“Estamos diante de um criminoso especialista em roubos a bancos, principal suspeito de comandar diversos assaltos na Bahia e em outros estados da região Nordeste”, declarou o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin) da Polícia Civil, delegado Flávio Góis.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

*