Polícia desmonta rave famosa e prende acusados de tráfico de drogas

Drogas apreendidas pela polícia(Foto: Divulgação/P.Civil)

Cinco pessoas foram presas em flagrante, acusadas de tráfico de drogas e outras 11 conduzidas para a 26ª Delegacia de Abrantes, após serem flagradas com diversos drogas sintéticas em una uma rave, que o ocorria sem autorização da Prefeitura, em um espaço na Estrada da Cetrel, no município de Camaçari, Região Metropolitana de Salvador (RMS), na madrugada deste domingo(10).

Em uma rede social, organização da festa publicou informações sobre a suspensão da festa, alegando “motivos de força maior”.

O evento foi desmontado durante a ação conjunta denominada “Operação Aurora”, que envolveu equipes da 26ª DT, policiais militares da 59ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Polo), Rondas Especiais (Rondesp), além das secretarias municipais de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Sedur) e Defesa Civil, da Prefeitura de Camaçari.

Segundo a delegada titular da 26ª DT, Danielle Monteiro, assim que tomou conhecimento da falta de autorização para o evento as policiais e demais órgãos se  organizaram. “Iniciamos a operação que envolveu esta delegacia, a Polícia Militar e órgãos fiscalizadores da prefeitura de Camaçari. Outro fato é que existe histórico de práticas delituosas em outra edição deste evento realizado na mesma”, comenta a titular.

Foram presos em flagrante Danilo Barreto de Matos, Mauricio Brito Ribeiro Torres, Daniel Queiroz Silva e Lucas Barros Figueiredo Silva e José Carlos Silva Santos. Com o grupo foram apreendidos 78 comprimidos de ecstasy além de porções de cocaína, LSD e maconha. Todos foram autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

*