Nanotrios e microtrios serão atração do carnaval sem cordas em Salvador

As apresentações iniciam na quinta-feira (4), no Terreiro de Jesus, a partir das 19h

Peu Meurray será um dos que se apresentam para o folião pipoca (Foto: Acervo Peu Meurray)

O nome vem causando curiosidade e muitos deduzem o que seja, mas a certeza mesmo é que os nanotrios são a novidade da folia sem cordas que ganha as ruas. Os nanotrios são veículos de tração humana (empurrado por pessoas ou movido com uso de pedal), sem palco, mas com sonorização, iluminação cênica, decoração e alegoria carnavalesca e contam com o apoio do programa Carnaval Pipoca, promovido pelo Governo do Estado por meio da Secretaria de Cultura (SecultBA).

Os nanotrios estreiam nos circuitos da festa cinco deles que, ao lado de sete microtrios, dão um show à parte de criatividade e somam pontos a favor do quesito diversidade na cena cultural da Bahia. Na categoria microtrios, foram selecionados o Microtrio 100 anos de Samba – Bambas da Bahia; Peixinho Elétrico e Chico Gomes; TukTuk Sonoro no Carnaval Pipoca de Salvador; Garampiola; Baianafolia; Rural Elétrica; e o Microtrio de Ivan Huol – Uma Família Colorida. Este último projeto comemora 20 anos em 2016 e foi o primeiro microtrio de Salvador.

Segundo os organizadores, a apresentação promete um carnaval longe de rótulos, sendo o repertório composto por músicas da “época de ouro” do carnaval tri-eletrizado – canções de Moraes-Armandinho-Dodô e Osmar – além dos clássicos da “pré-axé”, sem esquecer de tocar o axé, frevo, reggae, pop-rock nacional e internacional, baladas, MPB, sambas, forró e outras experimentações musicais.

Já entre os nanotrios, estão o Rixô Elétrico de Fred Menendez, projeto de música instrumental que vai apresentar uma mistura de ritmos, além do Arrastão Multicultural Guiné Bahia; Peu Meurray e o Coletivo Gente Boa se Atrai; Tabuleiro Sonoro e o Bicicletrio, este último movido a pedais e tendo à frente a banda Arapuka, que irá desfilar figurinos inusitados para apresentar canções do jamais esquecido Raul Seixas em ritmos carnavalescos. Todos os microtrios e nanotrios selecionados iniciam juntos seu Carnaval na quinta-feira (4) em um grande encontro no Terreiro de Jesus a partir das 19 horas. A programação completa do desfile dos microtrios e nanotrios no Carnaval da Cultura está disponível no www.cultura.ba.gov.br.

O Rixô Elétrico, de Fred Menendez, leva o melhor da música instrumental para as ruas (Foto: Ascom / SecultBA)
O Rixô Elétrico, de Fred Menendez, leva o melhor da música instrumental para as ruas (Foto: Ascom / SecultBA)

O processo de credenciamento do Carnaval 2016 selecionou 106 projetos através de uma curadoria composta pelo produtor musical, radialista e músico André Simões, o Andrezão, o radialista Cristóvão Rodrigues, os músicos Antenor Cardoso e Ademar de Andrade, o ator Fábio de Santana e a coordenadora de eventos do Centro de Culturas Populares e Identitárias da SecultBA, Thelma Chase. Os classificados participam dos projetos Carnaval Pipoca e Carnaval do Pelourinho.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

*