Kátia Vargas é absolvida mas promotoria promete recorrer

Julgamento terminou no começo da noite desta quarta-feira(6) e foi um dos mais concorridos dos últimos tempos no Fórum Ruy Barbosa; médica respondia a acusação de duplo homicídio doloso

A oftalmologista Kátia Vargas foi absolvida por um júri popular por 4 votos a favor da absolvição e um contrário, depois da acusação de ter provocado a morte dos irmãos Emanuele e Emanuel, de 22 e 23 anos, respectivamente, em uma suposta briga de trânsito ocorrida no bairro de Ondina, em Salvador, no ano de 2013. Depois de dois dias de julgamento, a juíza Gelzi Maria Souza leu a decisão no começo da noite desta quarta-feira(6), após dois dias de julgamento. Os promotores afirmam que vão recorrer da decisão. Apesar de terem sete jurados, apenas cinco votaram pois bastava atingir a maioria para encerrar a votação.

Kátia chegou a ficar presa por pouco mais de dois meses, mas ganhou direito a responder o processo em liberdade. O julgamento realizado no Fórum Ruy Barbosa foi um dos mais concorridos por causa do apelo em razão da morte dos irmãos. A decisão de absolver a médica surpreendeu a todos.

Veja a sentença:

 

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO


*