Em busca de família e carinho: Abrigo tem quase 200 cães prontos para adoção

Animais, na maioria vítimas de maus tratos, são recolhidos por uma aposentada que faz esse trabalho há dez anos

“Paris”, com quatro meses de vida, é disputada por cerca de 30 pessoas(Foto: #AnB)

A decisão de uma contadora, hoje aposentada, salvou a vida de dezenas de cães que hoje vivem em um abrigo, na localidade de Jardim das Margaridas, entre Salvador e Lauro de Freitas. São cães de várias raças, outros mestiços e também vira latas que acabaram abandonados nas ruas ou sofreram diversos tipos de violência por parte da população, alguns pelos próprios donos.

O #AgoraNaBahia foi ao abrigo e, em reportagem especial, mostra o que é preciso para conseguir levar para casa um dos animais, todos dóceis e agora bem cuidados, depois de acolhidos por Gilce Carvalho, que além dos mais de 80 cães nessa casa, tem um sítio onde acolhe outros mais de 100 cachorros.

Pelas redes sociais, é possível o candidato seguir o Abrigo Animais Aumigos e, a partir daí, se candidatar a levar para casa animais que foram tratados para curar graves doenças ou cães que ficaram mutilados por conta das agressões com pauladas, pedradas e até óleo de comida fervente.

Cães da raça Akita também estão no abrigo prontos para adoção(Foto: #AnB)

Até animais de raça nobre acabaram sendo vítimas dessas atrocidades cometidas pelos seus donos, como um cão da raça japonesa Akita, que perdeu tem dificuldades de locomoção por causa das pancadas que recebeu. Outro cão vira latas recebeu tantas pauladas que agora só se movimenta com as duas patas dianteiras.

Recém nascidos resgatados e cuidados pelo abrigo, logo estarão prontos para adoção(Foto: #AnB)

Todos os cães desse abrigo estão com cartão de vacinação em dia e foram castrados para evitar que se reproduzam enquanto aguardam adoção.

Veja a reportagem especial do #AnB, clicando AQUI.

 

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO

*