Começa a etapa coletiva dos Jogos Escolares da Juventude

Partidas estão sendo disputadas em João Pessoa, na Paraíba

Bahia tem representação no handebol, futebol de salão e vôlei (Foto: Roberto Marcelo / Divulgação)

Bola rolando para as modalidades coletivas dos Jogos Escolares da Juventude – etapa 15 a 17 anos –, que estão sendo disputadas em João Pessoa, na Paraíba. Desde a última terça (15), até sábado (20), os 79 estudantes atletas baianos que formam as equipes masculinas e femininas de futsal, basquete, vôlei e handebol vão suar a camisa na busca por medalhas.

Para representar a Bahia na etapa nacional, os integrantes da delegação tiveram que vencer os Jogos das Seletivas Escolares, promovidas Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), que também cedeu as passagens em voo fretado para deslocamento de toda a delegação. Com o fim das modalidades individuais, encerradas no último domingo (13), quando os alunos baianos tiveram um expressivo resultado de dez medalhas conquistadas: três de ouro, duas de prata e cinco de bronze, as atenções voltam agora para os jogos coletivos de quadra.

Nesta fase dos Jogos Escolares, as equipes de cada canto do país são divididas em três divisões, de acordo com a colocação do estado na edição anterior do evento. Ao final do torneio, as duas melhores equipes da segunda e da terceira divisão conseguem o acesso do estado para a divisão superior no evento do ano que vem. Os dois estados com pior desempenho tanto na primeira quanto na segunda divisão são rebaixados. Nesta faixa-etária, o futsal feminino disputa a segunda divisão, os demais estão na terceira divisão.

A Bahia está sendo representada da seguinte forma: no handebol, as equipes masculina e feminina são, respectivamente, do Colégio Militar de Feira de Santana e do estadual Dulce Almeida, de Itagibá. O futsal, masculino e feminino; basquete e vôlei feminino, todos representados pelo Colégio Integral. Basquete e vôlei masculinos, representados pelo Colégio Salesiano e Módulo, respectivamente.

Jogos

Iniciados na terça, o handebol masculino do CPM de Feira de Santana surpreendeu ao estrear com pé direito no torneio. O time que, na seletiva baiana eliminou fortes concorrentes, na etapa nacional mostrou força e venceu por 22 a 21, a equipe de Sergipe. “A gente batalhou demais pra chegar até aqui. Em nossos jogos não faltará garra e vibração. Vamos continuar focados para garantir a classificação”, disse o artilheiro da partida, com nove gols, Matheus Eron.

As meninas do handebol não estrearam bem. Participando pela primeira vez do torneio, elas foram derrotadas por 38 a 11 para o time de Goiás. Uma das equipes favoritas, o time feminino de futsal também não começou bem. Jogando contra a forte equipe do Paraná, elas foram derrotadas por 8 a 1. Destaque para o futsal masculino, que garantiu o primeiro triunfo após empatar em 3 a 3 com Tocantins no termo normal, e nos pênaltis, vencer.

As equipes de vôlei masculino e feminino foram derrotadas por 2 sets a 0, para os times de Santa Catarina e Espirito Santo, respectivamente. No basquete, os meninos perderam para o Tocantins, por 52 a 20, e as meninas foram derrotadas pela equipe do Goiás, por 42 a 10. Os Jogos Escolares da Juventude são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), correalizados pelo Ministério do Esporte e reúnem os melhores estudantes atletas com idade entre 15 e 17 anos do Brasil.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UM COMENTÁRIO